BRANDING

Capa com Logo.jpg

A HISTÓRIA DA MEDICINA EM NITERÓI

A DB Editora lançou em janeiro de 2019 o seu primeiro livro: “A História da Medicina em Niterói” – um dos primeiros produtos a serem realizados através da Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Niterói (Lei nº 3182/2015). Organizada pela editora Franciane Barbosa, a obra contou com uma equipe altamente qualificada e minuciosamente selecionada para desenvolver o projeto: o fotógrafo Antonio Schumacher, os jornalistas Irma Lasmar, Verônica Oliveira e Sergio Meirelles e a historiadora Antoane Rodrigues. A publicação foi amplamente elogiada pelos médicos em função do precioso levantamento histórico e, sobretudo, pela sua qualidade gráfica.

Logo que apresentado o projeto à Dra. Ilza Boeira Fellows, diretora geral do Complexo Hospitalar de Niterói (CHN), único incentivador da obra, a médica de imediato abraçou a ideia por perceber o ineditismo da publicação e seu valor histórico. “O CHN marca seu vanguardismo ao acreditar em projetos que contribuem efetivamente para a valorização da cultura de cidade, fazendo uso da legislação de modo eficiente. Em vigor desde agosto de 2017, esse dispositivo legal cumpre o papel de fomentar a cultura em Niterói a partir do incentivo a projetos locais por meio de renúncia fiscal do IPTU ou ISS por pessoa física ou jurídica, de forma ágil e nada burocrática”, afirma a organizadora.

Em 216 páginas, o trabalho editorial inédito traz um panorama atualizado da trajetória da Medicina e da classe médica em Niterói, desde a fundação da cidade até os dias atuais, atravessando mais de quatro séculos de acontecimentos e personalidades que marcaram tanto a população local quanto os rumos da saúde no estado e no país. A obra mapeia a trajetória de instituições importantes ao município, incluindo hospitais ativos e inativos e entidades classistas e assistenciais, além de patrimônios nacionais como o Programa Médico de Família, o Instituto Vital Brazil e a Universidade Federal Fluminense. O livro também exalta a rica carreira de alguns dos principais baluartes da Medicina da cidade, muitos deles de projeção em âmbito internacional, que colaboraram no admirável pioneirismo de Niterói. Entre os biografados estão cem “in memoriam”, cinco médicos eleitos prefeitos e 24 grandes nomes atualmente em atividade.

Totalmente acessível, com tiragem de dois mil exemplares e distribuição 100% gratuita – assim como sua impressão via internet – o livro foi direcionado principalmente a bibliotecas, escolas, universidades e instituições médicas, tanto públicas quanto privadas. Durante quatro meses, o tempo de execução do projeto, a equipe se dedicou integralmente ao projeto, a fim de que alcançasse o máximo de informações sobre o assunto. “Entretanto, diante do extenso número de médicos ilustres e o manancial de fatos a serem salvaguardados em um número pré-estabelecido de páginas, a publicação não extingue o tema”, conta a editora Franciane Barbosa, que teve de exercer um forte poder de síntese para a concepção de um trabalho dessa envergadura e elaborado em um curto espaço de tempo.

O livro serve de base a estudiosos e curiosos sobre o tema, entre profissionais e leigos, e homenageia os grandes médicos presentes e saudosos ao perpetuar suas realizações e qualidades humanas em páginas que os conservam como exemplo às futuras gerações.